EasyVista reforça estratégia de gestão do service desk nas diferentes geografias do grupo Teixeira Duarte

A solução EasyVista Oxygénio auxiliou o grupo Teixeira Duarte na gestão do Service Desk nas suas diversas geografias, acelerando ainda o seu processo de transformação digital

EasyVista reforça estratégia de gestão do service desk nas diferentes geografias do grupo Teixeira Duarte

A Teixeira Duarte tinha como desafio não só organizar e gerir o Service Desk nas diferentes geografias do grupo Teixeira Duarte, mas também digitalizar e automatizar processos de forma a acelerar toda a transformação digital da empresa, com o intuito de melhorar a prestação do serviço e ganhar eficiências, ou seja, com a mesma equipa dar mais suporte, de melhor qualidade e ter uma atitude mais preventiva.

A solução

A utilização da EasyVista tem vindo a expandir-se dentro do grupo de uma forma gradual, desde 2014.

Em 2014/2015, a Teixeira Duarte adotou a ferramenta EasyVista Service Apps - Phosphorus, uma vez que até aí usavam métodos tradicionais de e-mail e telefone. A grande mudança deu-se em 2020/21 com a evolução para a EasyVista Service Manager Oxygénio e com a implementação de um projeto, quase do zero, com foco nos problemas que pretendiam resolver e com base numa metodologia agile e de gestão da mudança em toda a organização.

A Teixeira Duarte sentiu a necessidade de organizar o seu Service Desk e, ciente das dificuldades acrescidas pelo facto de ter diversas atividades e estar dispersa por várias geografias, resolveram adotar a solução EasyVista Service Manager Oxygénio. Face a outras soluções, esta apresenta vantagens como a facilidade de personalização, o facto de não haver a necessidade de recorrer a programação (o que permite obter um baixo TCO e um bom ROI), ser uma ferramenta capaz de suportar a empresa além do ITSM e a abordagem de passagem de conhecimento durante os projetos de implementação.

Os resultados

A solução EasyVista permitiu resolver, primeiro, o problema que a Teixeira Duarte tinha de organizar o service desk do Grupo nas suas várias geografias. Os cerca de 1.500 utilizadores de IT tiveram uma clara melhoria imediata na sua capacidade de resposta e resolução dos tickets, sendo que o portal ajudou a Teixeira Duarte na área da automatização de processos, e posteriormente, na área da auto ajuda através de chatbots e IA, o que se traduziu numa maior produtividade, competitividade e autonomia.

“Sem dúvida, a facilidade de customização da EasyVista e a abordagem de passagem de conhecimento durante os projetos de implementação, permitiu à nossa equipa adquirir o know-how necessário para implementar outros processos para novas áreas, sem necessidade de recorrer a consultores externos. Contamos já com seis áreas diferentes e com mais de dez catálogos de serviços, diferentes por área e/ou por geografia”, explica Rui Pedroso, Diretor de Tecnologias de Informação da Teixeira Duarte.

A EasyVista disponibiliza a existência de catálogos por áreas o que permite, tendo em conta a realidade das várias geografias, filtrar e segregar a informação em conformidade por localização dos utilizadores.

Com a EasyVista, através do portal ConnecTD desenvolvido para a Teixeira Duarte, os cerca de três mil colaboradores da empresa com acesso a um único dispositivo obtiveram uma clara melhoria e eficiência ao nível da resposta e resolução dos seus tickets.

Segundo Paulo Magalhães, Vice-Presidente para o Sul da Europa da EasyVista, o feedback do cliente foi bastante positivo. “A Teixeira Duarte vê a EasyVista como uma ferramenta capaz de suportar a empresa além do ITSM e, por essa mesma razão, outras áreas orgânicas dentro da Teixeira Duarte já começaram a utilizar as soluções para gerir a prestação do serviço. Um facto a reter: em 2021 a Teixeira Duarte registou cerca de 70 mil pedidos na ferramenta - onde é possível gerir o nível de cumprimento e a satisfação dos colaboradores”.

Quanto a projetos futuros, o Grupo pretende automatizar cada vez mais processos, recorrendo a IA e a chatbots, sendo que a EasyVista irá continuar a prestar apoio também a esse nível através de outro produto, o EV Self Help, que permitirá fazer uma gestão inteligente do conhecimento e, através de chatbots, fornecer aos clientes uma forma muito mais natural e lógica para o ser humano poder interagir com o conhecimento e obter a sua auto ajuda.

Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 40 Novembro 2022

IT INSIGHT Nº 40 Novembro 2022

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.