Que desafios enfrentam os data centers em 2023?

Com os data centers a fazerem uma trajetória de crescimento exponencial, os peritos da fibratel destacam alguns dos desafios que a indústria enfrenta no ano de 2023

Que desafios enfrentam os data centers em 2023?

Tanto a nível global como nacional, o setor dos data centers registou um crescimento notável, que deverá continuar nos próximos anos, afirma a Fibratel. Para Portugal, as previsões apontam para que o país possa assumir um papel de relevo, entrando no mapa dos maiores data centers da Europa com a construção do projeto Sines 4.0 que foi concebido para ser 100% verde. 

Os data centers assumem-se como um fator chave para a economia portuguesa, onde grandes empresas do setor já estão a realizar grandes investimentos para construir as suas infraestruturas. A manutenção destes investimentos depende não só dos benefícios que o país oferece para as infraestruturas, como a localização geográfica, mas também com o saber lidar com as novas exigências do mercado e enfrentar futuros desafios, afirma Ignacio Cereijo, diretor de desenvolvimento de negócios da unidade de fdata, unidade especializada de data center da fibratel.

Assim, os centros de dados devem desenvolver-se de forma a garantir este crescimento exponencial. Neste sentido, os peritos da fdata destacam alguns dos desafios que a indústria enfrenta no presente.

Sustentabilidade

Porque o ambiente é uma das principais preocupações das empresas, os data centers estão a dirigir os seus esforços na transição para data centers sustentáveis, com destaque para a eficiência energética. Para este fim, além de estudar a localização das instalações para favorecer a poupança de energia, a fdata afirma ser importante conhecer as alternativas existentes em termos de processadores e refrigeração de infraestruturas. 

Neste sentido, a refrigeração líquida deverá tornar-se ainda mais popular no futuro. Esta alternativa tem uma capacidade de refrigeração mil vezes superior ao arrefecimento por ar e requer dez vezes menos energia para remover o mesmo calor, e a implementação deste método de arrefecimento poderia poupar mais de 205.000kWh para um rack de oito servidores em comparação com o arrefecimento a ar.

Disponibilidade

Apesar de ser cada vez mais desafiante, assegurar a disponibilidade dos data centers é fundamental para garantir o seu funcionamento e, por conseguinte, a sua viabilidade económica, explicam os especialistas. A este respeito, crescem os data centers Tier IV, que garantem uma disponibilidade muito próxima de 100%. 

Com vários sistemas de manutenção independentes e simultâneos, estes data centers não são afetados por um evento imprevisto ou uma manutenção planeada, evitando uma interrupção no serviço. Esta é a certificação mais robusta que um data center pode receber e, até 2023, os peritos de fdata esperam que estas certificações aumentem devido à transformação de muitos centros de dados existentes e à construção de novos centros.

Atração e retenção de talento

O rápido crescimento desta indústria torna necessário recrutar mais pessoal para assegurar um serviço otimizado, contudo, nos últimos anos tem havido uma certa dificuldade na atração e retenção de talentos. Isto leva a uma escassez de profissionais no setor, o que significa que muitas empresas são incapazes de satisfazer as quotas de procura. Assim, 2023 apresenta uma oportunidade para as empresas e instituições de ensino destacarem a importância da formação na indústria dos centros de dados, incorporando mais conhecimentos especificamente relacionados com este tema. 

Energia

A poupança de energia e a utilização de fontes de energia renováveis são dois dos principais desafios do setor, uma vez que a indústria dos data centers é um dos maiores consumidores de energia. Assim, para além da adoção de medidas para melhorar a eficiência energética, é relevante optar pela utilização de energias renováveis. “Embora estes desafios tenham sido relevantes durante 2022, tornar-se-ão ainda mais importantes em 2023, quando se esperam grandes investimentos neste setor”, conclui Ignacio Cereijo.

Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 41 Janeiro 2023

IT INSIGHT Nº 41 Janeiro 2023

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.