Discos rígidos inovadores poderão ter dez vezes mais capacidade

Investigadores da Universidade de Cambridge estão a desenvolver Hard Drive Disks que substituem carbono por grafeno e acreditam que “isso vai impulsionar ainda mais o desenvolvimento de novos HDD de alta densidade”

Discos rígidos inovadores poderão ter dez vezes mais capacidade
 

Os investigadores do University of Cambridge Graphene Center divulgaram uma pesquisa que indica a possibilidade do uso de grafeno como uma das componentes dos Hard Drive Disks (HDD), substituindo o uso de carbono. Numa publicação na revista Nature, explicam que com o uso de grafeno no fabrico de HDD, os discos rígidos deverão ter um armazenamento dez vezes superior ao de hoje, passando de 1 terabyte para 10 terabytes. Prevê-se ainda que os HDD do futuro tenham baterias de carregamento rápido e chips mais pequenos.

As camadas de revestimento, onde se encontra o carbono, são usadas para proteger os pratos giratórios dos HDD quando os dados estão a ser gravados, de forma rápida, pelas cabeças de leitura/gravação do HDD. Para atingir densidades de HDD mais elevadas, os fabricantes diminuíram o espaço entre a cabeça e o prato e os discos, passando de 12,5 milímetros, nos anos 1990, para 3 milímetros, nos dias de hoje. Dessa forma, foi possível alcançar uma capacidade de armazenamento de 1 terabyte. Na nova investigação chegaram à conclusão que ao substituir o carbono por grafeno, que possui propriedades fortes e escorregadias, com 1 átomo de espessura, os HDD ficam com ultra densidade, 10 vezes superior aos anteriores. 

O grafeno é um componente constituído por uma única camada de grafite e é considerado o “material maravilha”. Na substituição do carbono, os investigadores colocaram entre uma e quatro camadas de grafite e depois de vários testes, chegaram à conclusão de que o grafeno tem mais resistência de corrosão e uso do que as melhores camadas de carbono. 

Andrea Ferrari, diretor do Cambridge Graphene Center acredita que “considerando que em 2020, foram produzidos cerca de mil milhões de terabytes de armazenamento de HDD, estes resultados indicam um caminho para a aplicação em massa de grafeno em tecnologias de ponta”.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 32 Julho 2021

IT INSIGHT Nº 32 Julho 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.