Altri otimiza M365 e cultura digital com CMaaS

Com o serviço de Change Management-as-a-Service (CMaaS) da Claranet, foram identificados os temas de trabalho e consequentes iniciativas que suportaram a transição e criação de uma cultura digital

Altri otimiza M365 e cultura digital com CMaaS

Cotada na bolsa de valores de Lisboa, onde integra o seu principal índice, o PSI-20, a Altri é apresenta-se como um produtor europeu de referência no setor de pasta de papel, sendo um dos mais eficientes produtores da Europa de pasta de eucalipto branqueada.

Atualmente, contabiliza três fábricas de pasta de papel – a Celbi, a Caima e a Celtejo – com uma capacidade anual nominal superior a um milhão de toneladas.

A gestão florestal é outra atividade central da Altri que tem em Portugal sob gestão cerca de 83,5 mil hectares de floresta certificada. A autossuficiência florestal é da ordem dos 20%.

Paralelamente, a empresa é excedentária na produção de energia elétrica através da cogeração industrial de base renovável e vende anualmente cerca de 500 GWh de energia elétrica, a partir do processo de cogeração.

O desafio

A par das tendências atuais e partindo do princípio de que as empresas estarão cada vez mais dependentes das plataformas digitais, a Altri procurou consolidar o seu workplace digital, otimizando a comunicação, colaboração e modernização dos processos de trabalho.

Assim, tendo em conta os diferentes perfis de trabalho na Altri, distribuídos por diferentes geografias e considerando as pequenas iniciativas de introdução à ferramenta já realizadas anteriormente, o desafio prendeu-se com a gestão da mudança e adoção da tecnologia num modelo de as-a-Service, que garantisse não só a adoção da tecnologia, mas também a transição para uma cultura de organização cada vez mais digital.

Com o serviço de CMaaS (Change Management- as-a-Service), foram identificados os temas de trabalho e consequentes iniciativas para abordagem aos mesmos:

  • Aumentar a produtividade dos colaboradores através da utilização do Microsoft Teams, OneDrive, Planner;
  • Garantir a mobilidade dos colaboradores - First Line Workers;
  • Inovar e automatizar os processos de negócio com base no Power Platform.

“O CMaaS permite trabalhar os diferentes temas com recurso a diferentes iniciativas ao longo de um ano e de forma contínua”, garante Miguel Coelho, Diretor de IT da Altri.

A solução

A Claranet dispõe de um programa de transformação de workplace, num modelo as-a-Service, suportado por uma metodologia de Change Management, certificada pela PROSCI. Alinhado com esta best practice, o programa de transformação identifica as necessidades em cinco fases distintas: awareness, desire, knowledge, ability e reinforcement.

Sendo um modelo de as-a-Service, o CMaaS, permite definir temas concretos de trabalho que suportam a transição e criação de uma cultura digital.

Paralelamente, e contemplando um trabalho estruturado e contínuo, permite promover esta transição com maior impacto, eficiência e índices de adoção.

Para Miguel Coelho, “a solução passou pela adoção, de forma contínua e estruturada, de uma ferramenta já presente na organização, o Microsoft 365”.

Definiu-se um período inicial de meio ano, para trabalhar os principais temas associados ao Microsoft 365 abrangendo temas específicos através de iniciativas regulares.

A familiaridade com outras aplicações Microsoft ajudou os 652 colaboradores do grupo a tirarem um maior potencial destas ferramentas colaborativas, juntamente com a experiência em projetos de adoção de M365 que dão uma maior garantia do incremento do trabalho colaborativo e da forma e eficiência como são usadas.

O resultado

Para o Diretor de IT da Altri, a parceria com a Claranet tem como objetivo aumentar a capacidade de inovação e de divulgação das boas práticas da empresa.

“A Claranet tem sido um parceiro desde há vários anos para o desenvolvimento de projetos em tecnologias Microsoft com excelentes resultados nestas áreas”, afirma.

Com a adoção do Microsoft 365 em modelo CMaaS, muitos processos internos passam agora a ser executados de uma forma mais célere, e as comunicações e informações passam também a ser partilhadas de forma imediata e descentralizada.

Para a Altri é fundamental criar uma dinâmica de transformação nos processos de trabalho onde a inovação promove mais inovação e existe um ganho considerável de agilidade, escalabilidade, mobilidade, e paralelamente de aumento de segurança e resiliência.

Com esta adoção num modelo de as-a-Service, a Altri ganha capacidade de organização dos temas a serem abordados e, simultaneamente, promove uma cultura de mudança e aprendizagem contínua, aumentado assim a adoçao da tecnologia e destreza tecnológica dos seus colaboradores, abrindo portas a outros projetos de transformação digital.

Tags

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 30 março 2021

IT INSIGHT Nº 30 março 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.