Privacidade de dados mudou medição de desempenho de 90% dos profissionais de marketing

Dados do Marketing Intelligence report da Salesforce indicam que 90% dos profissionais de marketing planeiam investir em análise de marketing, 88% querem investir em plataformas de dados de clientes, e 87% em interação e personalização em tempo real

Privacidade de dados mudou medição de desempenho de 90% dos profissionais de marketing

A Salesforce lançou os dados da última edição do Marketing Intelligence Report, relatório que reúne as principais tendências e insights do setor, com base nas respostas de mais de 2.500 profissionais de marketing em todo o mundo. Nesta terceira e mais recente edição do relatório, a Salesforce tenta perceber como estes profissionais estão a utilizar os dados para crescerem e melhorarem as experiências do cliente, e, também, como os profissionais de marketing estão a adaptar-se a um ecossistema de dados focado na privacidade e quais as tendências que moldam o marketing entre canais.

Num primeiro ponto, o relatório indica que é fundamental provar o impacto. Atualmente, o profissional de marketing conta com uma dupla função: cuidar do relacionamento com o cliente e aumentar a receita. Isto reflete-se na forma como os profissionais de marketing definem o sucesso. Quase metade afirma que a satisfação do cliente é a sua métrica mais importante, seguindo-se o retorno do investimento em marketing. No entanto, menos de dois em cada cinco profissionais de marketing relatam que se sentem completamente bem-sucedidos em avaliar qualquer uma dessas métricas de forma definitiva.

Ao avaliarem as suas estratégias de análise, os profissionais de marketing enfatizam a necessidade de resolver esse desafio – listando o impacto comprovado no crescimento e na experiência do cliente como as suas principais prioridades. Para chegar lá, os profissionais de marketing também estão a dar prioridade à utilização eficaz de dados na forma de insights precisos, oportunos e consumíveis.

Por outro lado, o relatório conclui que as mudanças de privacidade originam mudanças nas estratégias e investimentos de marketing. Nos últimos anos, os regulamentos de privacidade de dados incentivaram os profissionais de marketing a adotarem uma abordagem baseada no consentimento do consumidor para a recolha de dados. Ao mesmo tempo, os profissionais de marketing estão a sentir os efeitos downstream nas suas análises, uma vez que as métricas de desempenho populares, como aberturas de e-mail, são agora menos relevantes, uma vez que são implementadas políticas de privacidade que impedem o rastreamento. 

Assim, segundo a Salesforce, 90% dos profissionais de marketing concordam que as recentes mudanças na privacidade de dados mudaram fundamentalmente a forma como medem o desempenho de marketing. Sempre resilientes, a maioria dos profissionais de marketing está a recorrer à tecnologia para garantir que podem continuar a medir o desempenho, compreender os seus clientes e fornecer experiências individualizadas.

Os dados indicam que 90% dos profissionais de marketing planeiam aumentar ou manter investimentos em análise de marketing, 88% planeiam aumentar ou manter investimentos em plataformas de dados de clientes, e 87% planeiam aumentar ou manter investimentos em interação e personalização em tempo real.

No que toca aos investimentos, cerca de metade dos profissionais de marketing refere ter aumentado os seus investimentos em redes sociais pagas, marketing mobile e experiências na web – onde os clientes compram e fazem negócios online. 

Além disso, o relatório afirma que a qualidade dos dados é fundamental - mas não é universalmente contabilizada. Independentemente dos seus objetivos, os profissionais de marketing precisam de dados de confiança para demonstrarem o valor dos seus programas e gerarem resultados. Quase quatro em cada cinco profissionais afirma que a qualidade dos dados é fundamental para impulsionar o crescimento liderado pelo marketing e as experiências do cliente.

Contudo, nem todos têm acesso a uma base de dados de confiança nem a capacidade de desbloqueá-la. Os profissionais de marketing reportam que os recursos dos colaboradores e a integração manual de dados são os principais desafios na avaliação eficiente do desempenho. Embora os profissionais de marketing estejam a investir em tecnologia de análise, apenas 51% das equipas de marketing atualmente contam com colaboradores dedicados à análise, de acordo com o relatório.

Finalmente, o relatório refere que as culturas de marketing orientadas por dados exigem uma visão centralizada. Sem uma visão clara e holística dos dados, é difícil dar significado aos esforços de marketing orientados por dados. O relatório da Salesforce apurou que 98% dos profissionais de marketing enfatiza a importância de ter uma visão completa e centralizada de todo o marketing cross-channel. No entanto, 71% ainda avalia o desempenho do seu marketing cross-channel em silos, deixando muito espaço para melhorias e integração.

Os profissionais de marketing não precisam apenas de integrar dados entre unidades e fontes de negócios, mas também precisam de partilhá-los para gerar valor, promover a colaboração em toda a equipa e ligar o marketing aos resultados dos negócios. Com os dados unificados em apenas um lugar, os profissionais de marketing estão posicionados para liderarem o crescimento das suas organizações e envolverem os seus clientes

Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 38 Julho 2022

IT INSIGHT Nº 38 Julho 2022

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.