Maioria dos colaboradores sentem-se tecnologicamente treinados

78% dos colaboradores em trabalho remoto acreditam que são iguais ou mais produtivos do que quando vão ao escritório

Maioria dos colaboradores sentem-se tecnologicamente treinados

A pandemia COVID-19 acelerou a implementação do teletrabalho. Segundo o IV Inquérito de perceção social da inovação em Espanha, conduzido pela Fundação Cotec, os colaboradores em trabalho remoto concordam que se sentiram tecnologicamente treinados para trabalhar a partir de casa (93%), que são iguais ou mais produtivos do que quando vão ao escritório (78%), e que a sua empresa tem planos para continuar o teletrabalho quando a pandemia passar (59%). O que não mudou com a pandemia foi a falta de reconhecimento do direito à desconexão digital, que exige 88% da população ativa.

A pandemia melhorou o fator inovação com 77% a vê-la como positiva, mais quatro pontos percentuais do que em 2019. Apesar disso, a grande maioria dos inquiridos (78%) continua a acreditar que depois da pandemia o investimento é insuficiente, que as leis não favorecem a inovação (68%) ou que o sistema educativo não está a preparar bem a sociedade para os desafios do futuro (70%).

A perceção da inovação como uma coisa positiva é partilhada em todos os territórios por pelo menos dois terços dos habitantes.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 31 Maio 2021

IT INSIGHT Nº 31 Maio 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.