Necessidade de automação aumenta em quase todas as empresas

Estudo da Mulesoft indica que 80% das empresas afirmam estar preocupadas com o facto de o suporte à automação poder aumentar a sua dívida técnica

Necessidade de automação aumenta em quase todas as empresas

A Mulesoft divulgou um estudo sobre automação, onde revela que essa necessidade aumentou entre as empresas, abrangendo hoje mais departamentos na tentativa de acelerar a eficiência e produtividade. Ainda assim, as arquiteturas de tecnologia existentes estão a atrasar o progresso e 80% das empresas afirmam estar preocupadas com o facto de o suporte à automação poder aumentar a sua dívida técnica.

Com a volatilidade como pano de fundo em todos os mercados, planos de recrutamento, orçamentos e todos os departamentos das empresas, os líderes de TI estão a priorizar o uso da tecnologia que impulsiona a eficiência. Mais do que nunca, as empresas estão a recorrer à automação para a criação de valor imediato em todas as partes do negócio, desde departamentos técnicos a não técnicos, como vendas, atendimento ao cliente, marketing e comércio. O mais recente relatório da Mulesoft vem abordar estas necessidades e evidenciar os principais desafios enfrentados pelas empresas, através de um inquérito efetuado a mais de 600 profissionais de topo do setor tecnológico.

A larga maioria dos inquiridos (91%), indica que a procura por automação por parte das empresas aumentou nos últimos dois anos. Os dados em detalhe mostram que a maior procura feio de quatro departamentos:

  • Research and development (39%);
  • Administrative/operations (38%);
  • Customer service (33%);
  • Marketing (26%).

O relatório revela ainda que os conjuntos de tecnologia existentes nas empresas estão a impactar a velocidade com que as equipas de TI conseguem corresponder às necessidades de automação do negócio.

Quase a totalidade dos profissionais auscultados para o relatório (96%) afirma que a mudança ou reconstrução de modelos de automação, devido a alterações dos requisitos dos sistemas ou do negócio, é um desafio. Os dados demonstram ainda que quatro em cinco inquiridos indica que a reestruturação do panorama atual em termos de aplicações e dados, para suportar a automação, irá aumentar a sua dívida técnica.

As empresas, independentemente do seu setor de operação, querem automatizar processos e experiências do cliente o mais rapidamente possível. No entanto, se tentam acelerar com as ferramentas e técnicas erradas, acabam por impedir uma inovação real”, explica, em comunicado, Matt McLarty, Global Field CTO & VP of the Digital Transformation Office, na MuleSoft. “É vital que as empresas se tornem mais adaptáveis à mudança tecnológica, permitindo a construção da automação e a conexão de dados e aplicações de uma forma holística. Sem uma abordagem composta, as empresas ficam em risco de aumentar a sua dívida técnica, ao invés de a reduzir”.

À medida que as empresas tentam alavancar todo o potencial da automação para estimularem o crescimento eficiente de forma mais rápida e menos disruptiva, quase metade (44%) está agora a usar recursos de integração e gestão de API para apoiar totalmente os seus esforços de automação de processos de negócios. Os restantes 53% afirma que estavam a usar “até um certo ponto” recursos de integração e gestão de API, indicando que há uma grande oportunidade de automatizar fluxos de trabalho em escala, com mais eficiência e fornecer, mais rapidamente, experiências conectadas aos clientes.

A automação feita corretamente pode impulsionar o crescimento eficiente e as empresas, ao aproveitarem a combinação de integração e gestão de API, podem escalar a automação, com sucesso e benefícios.

O relatório hoje apresentado revela que 80% das empresas terão hiper-automação nos seus planos de tecnologia para os próximos 24 meses, significando que precisam das ferramentas e recursos certos para criarem e modificarem as automações.

Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 38 Julho 2022

IT INSIGHT Nº 38 Julho 2022

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.