Google Cloud Next’18: IA e machine learning mais perto dos negócios

No seu evento anual dedicado à cloud, a Google anunciou novos serviços e melhorias em diversos produtos cloud, nomeadamente nas áreas de Inteligência Artificial e Machine Learning para empresas, no G-Suite e na plataforma de serviços cloud

Google Cloud Next’18: IA e machine learning mais perto dos negócios

O Google Cloud Next’18 voltou a São Francisco, nos EUA, e juntou milhares de profissionais de IT, programadores, engenheiros e empreendedores.

Este ano, uma das grandes apostas do gigante tecnológico gira em torno da IA e machine learning. A Google quer democratizar a IA e o machine learning nos negócios - do retalho à agricultura, à educação, à saúde –, e, para tal, tem agora novos produtos e melhorias no seu portfólio.

Entre as novidades estão as atualizações Cloud AutoML Vision, Natural Language, e Translation, disponíveis agora em beta. Com estas atualizações, agora a API Cloud Vision reconhece letra manuscrita, suporta tipos de arquivos adicionais (PDF e TIFF) e pesquisa de produtos, conseguindo identificar a localização de um objeto numa imagem. Apresentam ainda melhorias no Cloud Text-to-Speech, como o acesso multilinguístico a vozes geradas pela tecnologia DeepMind WaveNet. No Speech-to-Text, foi incluída a capacidade de identificar o idioma falado e os diferentes intervenientes numa conversa e o reconhecimento multicanal de modo a que seja possível gravar cada participante separadamente.

A tecnológica anunciou ainda melhorias na Dialogflow Enterprise Edition, agora disponível em Beta.

Entre as novidades, está a nova solução Contact Center AI (disponível em Alpha). O objetivo é capacitar os colaboradores de contact center, bem como os clientes que dependem deles. Foi criada juntamente com parceiros e inclui o Dialogflow Enterprise Edition, bem como recursos adicionais que são particularmente úteis para contact centers - todos com o compromisso de usar uma abordagem de IA responsável e centrada no ser humano. A empresa acredita que a solução tem o potencial de elevar todos os aspetos da experiência de atendimento ao cliente, do início ao fim.
 

G Suite está mais inteligente

Na última década, o G Suite amadureceu - da introdução do Gmail e do Google Docs até os avanços mais recentes em IA e Machine Learning, que estão a capacitar e a proteger o e-mail. Agora, mais de 4 milhões de empresas estão a utilizar o G-Suite para repensarem a forma como funcionam. Empresas como Whirlpool, Nielsen, BBVA e Broadcom estão entre as muitas que escolhem o G Suite para serem mais ágeis e ligarem melhor as suas equipas e aumentarem a sua vantagem competitiva.
 
No ano passado, a equipa proporcionou quase 300 novos recursos aos utilizadores do G Suite. Na Cloud Next foram reveladas algumas das novas formas de como as organizações podem usar o G Suite para se concentrarem no trabalho criativo e impulsionarem os seus negócios.

O G Suite conta agora com uma nova ferramenta de investigação do centro de segurança (disponível no Early Adopter Program para clientes do G Suite Enterprise), data regions (para clientes G Suite Business e Enterprise), respostas inteligentes no Chat de Hangouts , escrita inteligente, sugestões gramaticais no Google Docs e comandos de voz no Hangouts Meet hardware.

A Cloud Services Platform também foi otimizada. Na Cloud Next’18, a companhia partilhou a visão da Cloud Services Platform, uma família integrada de serviços cloud que permite aumentar a velocidade e a confiabilidade, melhorar a segurança e a governança. A Cloud Services Platform traz os benefícios da cloud, independentemente de onde a empresa tem instalada a sua infraestrutura.
 
A Cloud Services Platform coloca todos os recursos de TI das empresas numa estrutura consistente de desenvolvimento, de gestão e de controlo, automatizando tarefas de baixo valor e inseguras em toda a infraestrutura local e do Google Cloud. Especificamente, foram revelados os novos Service mesh, com disponibilidade do Istio 1.0 em open source, Managed Istio, e Apigee API Management para Istio; computação híbrida: GKE On-Prem com multi-cluster management; policy enforcement: GKE Policy Management; ops tooling: Stackdriver Service Monitoring; e Serverless computing: GKE Serverless add-on e Knative, an open source serverless framework.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 14 Julho 2018

IT INSIGHT Nº 14 Julho 2018

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.