IA ajuda as empresas a aumentaram lucros 80% mais depressa

Um novo estudo global da Oracle revela como é que as empresas estão a aproveitar a inteligência artificial e outras tecnologias emergentes para melhorar os seus departamentos financeiros e de operações e assim obterem mais vantagens competitivas

IA ajuda as empresas a aumentaram lucros 80% mais depressa

As empresas que estão a adotar as tecnologias de Inteligência Artificial (IA) e as outras tecnologias emergentes conseguem aumentar os seus lucros anuais mais 80% mais rapidamente do que aquelas que não o fazem, revela o novo estudo do Enterprise Strategy Group e da Oracle.

O estudo global, Emerging Technologies: The competitive edge for finance and operations, inquiriu 700 diretores financeiros e de operações em 13 países e concluiu que as tecnologias emergentes IA, Internet of Things (IoT), blockchain, e digital assistants já passaram a fase crítica da adoção, superando as expectativas das empresas e gerando novas e mais vantagens competitivas.

As empresas que adotaram tecnologias emergentes nas suas áreas financeiras estão a usufruir de muito mais vantagens do que as inicialmente esperadas. A inteligência artificial e os assistentes digitais diminuem os erros nos departamentos financeiros em média 37%.

72% das empresas que utilizam tecnologias de IA sabem mais sobre o desempenho geral dos seus negócios. Simultaneamente, 83% dos gestores acreditam que a IA irá automatizar por completo os processos de fecho de contas, nos próximos cinco anos. Os assistentes digitais aumentam os níveis de produtividade em 36% e aceleram o ritmo da análise financeira em 38%.

"As funcionalidades da IA, do IoT, do blockchain e dos assistentes digitais permitem às empresas que adotam estas tecnologias de forma mais intensa que os seus concorrentes acelerar significativamente o ritmo da inovação, criando vantagens competitivas muito relevantes e gerando novas mais valias", afirma Juergen Lindner, senior vice president, SaaS product marketing, da Oracle. “O estudo refere que estas tecnologias se converteram numa tendência e que as empresas que as ignoram se arriscam a perder relevância comercial. Para ajudar os nossos clientes a superarem esta mudança e, consequentemente, a concorrência, introduzimos estas tecnologias continuamente nos processos comerciais para garantir que possam beneficiar delas e do seu poder de transformar os seus negócios”.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 23 janeiro 2020

IT INSIGHT Nº 23 janeiro 2020

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.