Tendências tecnológicas na gestão de negócios pós-COVID

A COVID-19 fez com a gestão de negócios fosse fortemente influenciada por cinco tendências tecnológicas

Tendências tecnológicas na gestão de negócios pós-COVID

A pandemia do Coranavírus levou a uma mudança radical na gestão de muitas empresas e o confinamento fez com que muitas organizações aumentassem significativamente a oferta de recursos de IT e os gastos em tecnologias para implementar trabalho remoto, comunicações e colaboração através da Internet.

Como explicam os especialistas da startup Fintech Pleo no seu mais recente relatório, a partir do "novo normal" o campo da gestão de negócios será fortemente influenciado por cinco tendências tecnológicas.

A primeira é claramente a substituição do face-to-face com o virtual. Por um lado, as empresas utilizarão trabalho remoto para manter as condições de segurança dos seus colaboradores e prevenir o contágio. E, por isso mesmo, reuniões e eventos serão realizados cada vez mais em formato virtual. Estas duas alterações permitirão obter as despesas que tradicionalmente eram gastas em transportes, alojamento e tudo o que é necessário para o trabalho presencial de toda a mão de obra, às ferramentas de comunicação online, trabalho colaborativo e resiliência de IT.

Além disso, os especialistas salientam que irão aumentar as despesas geridas pelos trabalhadores, uma vez que as necessidades de teletrabalho exigirão que as empresas paguem os gastos de ligação remota, tanto por telefone como por Internet. Cada vez mais, os colaboradores serão responsáveis pela gestão destas despesas, bem como artigos para material de escritório, que estarão localizados nos escritórios domiciliários.

A próxima tendência que influenciará decisivamente a transformação dos modelos de gestão de negócios é o maior compromisso com soluções tecnológicas de gestão de negócios. E isto resultará num aumento de 34% nos gastos com software e num aumento de 8% nos dispositivos informáticos. Por outro lado, as organizações estão a mudar as suas políticas de recrutamento e retenção de talentos, dando mais importância aos perfis STEM, uma vez que a falta de competências tecnológicas se tornou num problema.

Finalmente, a investigação de Pleo revela como o modelo de negócio está a mudar, optando por uma maior flexibilidade de horários devido à elevada percentagem de teletrabalho, pelo menos durante o tempo que leva para garantir o controlo da doença. E esta pode tornar-se a mudança mais radical de todas, uma vez que a flexibilidade proporciona muito mais qualidade de vida aos colaboradores, e fomenta uma cultura empresarial completamente diferente, mas com o potencial de ser melhor do que as tradicionais.

Todas estas tendências desempenharão um papel fundamental no campo da gestão de negócios para o futuro, e os especialistas acreditam que vão impulsionar a venda de novas comunicações, colaboração, automação e, em última análise, tecnologias inteligentes de gestão de negócios.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 26 Julho 2020

IT INSIGHT Nº 26 Julho 2020

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.