Cidade UberAIR: revelada lista de candidatos

O Japão, Índia, Austrália, Brasil e França fazem parte da lista de países candidatos à primeira cidade UberAIR revelados na primeira Uber Elevate Asia Pacific Expo, em Tóquio

Cidade UberAIR: revelada lista de candidatos

A Uber Elevate anunciou hoje os cinco países finalistas pré-selecionados para receberem a primeira cidade internacional da UberAIR nos próximos cinco anos. Para além disto, foram também revelados planos para testar entregas através de drones para a Uber Eats e demonstrado como as potenciais rotas UberAIR nas cidades da região Ásia-Pacífico poderiam beneficiar, e complementar, os atuais sistemas de transporte locais.

O Diretor-Geral da Uber Elevate, Eric Allison, revelou que “Estamos muito orgulhosos do sucesso da primeira Uber Elevate Asia Pacific Expo, que pretende mostrar as muitas vantagens que a UberAIR pode trazer para a região e para o mundo no futuro. Estamos a analisar o primeiro mercado internacional onde poderemos lançar o serviço, que permitirá aos utilizadores ter voos à distância de um toque num botão.”

 

 

Lista de cidades internacionais pré-selecionadas para receber a UberAIR

O programa Uber Elevate está a desenvolver o transporte aéreo urbano partilhado em todo o mundo. Dentro de aproximadamente cinco anos, os utilizadores da Uber nas cidades piloto vão conseguir requisitar um voo com um simples toque num ecrã. Para isto ser possível, a Uber desenvolveu uma rede de parcerias, onde se incluem fabricantes de automóveis, promotores imobiliários, developers no ramo da tecnologia, entre outros.

Dallas e Los Angeles foram previamente anunciadas como as duas primeiras cidades piloto nos Estados Unidos, e durante a segunda edição do Uber Elevate Summit em maio, a Uber anunciou que estava a tentar encontrar uma cidade internacional, como terceiro parceiro.

Depois de avaliar diversos países em todo o mundo, a Uber anunciou na Uber Elevate Asia Pacific Expo que os seguinte cinco países foram pré-selecionados: Japão, Índia, Austrália, Brasil e França.

A equipa da Uber Elevate está agora a tentar chegar junto dos principais stakeholders nas principais cidades destes cinco países, e anunciará a primeira cidade UberAIR internacional nos próximos seis meses.

 

Entregas com drones no radar

A Uber Eats caminha a passos largos para se tornar a maior empresa de entrega de refeições no mundo, não contando com a China, com uma taxa de execução de 6 milhões de dólares e a um ritmo de crescimento de mais de 200% em 293 cidades. A região da Ásia-Pacífico é a que mais tem crescido mundialmente, com o número de entregas a aumentar seis vezes nos últimos 12 meses. Na Índia e no Japão, a Uber Eats foi lançado em várias cidades antes do serviço de ridesharing, o que mostra o potencial global da marca Eats.

A Uber vê uma oportunidade única de trazer para o seu negócio de entrega de refeições os mesmos benefícios que a aviação urbana trará para o ridesharing. Ao levantar voo, a Uber Eats vai poder fazer entregas de forma mais rápida, acessível e confiável a mais clientes e restaurantes em todo o mundo.

A Uber vai também utilizar os mesmos ativos e sistemas que estão a ser desenvolvidos para a UberAIR, bem como as discussões regulatórias e o progresso que está a ser levado a cabo com os principais stakeholders, como a Administração Federal de Aviação (AFA) nos Estados Unidos. Em maio, San Diego foi escolhido como o único participante no teste piloto de entregas urbanas com drones durante o Programa Piloto de Integração da AFA, criado em resposta a um Memorando Presidencial. Desde então, a Uber Elevate tem trabalhado em estreita colaboração com a AFA, o Departamento de Transportes dos Estados Unidos e a câmara de San Diego, tendo já realizado diversos voos de teste bem-sucedidos em conjunto com os seus parceiros de tecnologia.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 16 Novembro 2018

IT INSIGHT Nº 16 Novembro 2018

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.