Portugueses confiam cada vez mais em formas alternativas de pagamento

Segundo dados do Observador Cetelem Literacia Financeira 2018, a percentagem de portugueses familiarizados e utilizadores de ferramentas de pagamento online como o Paypal (34%), MB Net (31%), MB Way (28%) e Cartão Contactless (26%) está em ascensão

Portugueses confiam cada vez mais em formas alternativas de pagamento

As inovações tecnológicas chegaram às formas de pagamento, seja nos hiper/supermercados ou simplesmente na realização de transferências bancárias, existe hoje uma ampla variedade de formas para o pagamento de despesas. E os portugueses parecem estar a aderir a estas inovações.

Os dados do Observador Cetelem Literacia Financeira 2018 revelam um aumento nas percentagens dos inquiridos que utilizam e se sentem confortáveis na relação com os novos meios de pagamento. O Paypal lidera a lista de escolhas dos portugueses (34%), um aumento de 11% face a 2017. Segue-se o MB Net, que em 2017 22% dos portugueses afirmavam utilizar de forma confortável, percentagem que sobe para os 31% em 2018.

No ano transato, 14% dos respondentes admitiam recorrer ao MB Way, valor que sobe para 28% em 2018. Finalmente, o Cartão Contactless é a solução escolhida por 26% dos portugueses inquiridos, um aumento de 9 pontos percentuais, face a 2017. Nas grandes superfícies comerciais, as caixas de self-service, continuam a ser uma mais-valia, apesar da diminuição da percentagem de portugueses que admitem usar 53%, uma redução de 2% em relação ao ano passado.

“Os portugueses demonstram curiosidade em relação às novas formas de pagamento e cada vez mais valorizam as facilidades associadas a estas inovações, especialmente no quotidiano. Temos vindo a observar uma tendência para a descoberta e utilização destes novos serviços, especialmente nas novas gerações”, afirma José Pedro Pinto, Chief Marketing & Sales Officer do Cetelem.

Numa análise mais alargada por faixas etárias, os inquiridos que se mostram mais à vontade com as novas formas de pagamento estão entre os 25 e os 34 anos de idade. Enquanto que geograficamente é no Grande Porto que as caixas self-service conhecem maior adesão, e as restantes formas de pagamento ganham maior destaque no sul e ilhas.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 16 Novembro 2018

IT INSIGHT Nº 16 Novembro 2018

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.