Há falta de profissionais de proteção de dados em Portugal

DPO Consulting irá lançar um programa de formação de Data Protection Officers que integra uma componente prática e auditoria RGPD

Há falta de profissionais de proteção de dados em Portugal

A DPO Consulting, em parceria com a Associação Empresarial de Portugal (AEP), lança duas novas edições do seu programa de formação em Data Protection Officers (DPO ou Encarregados de Proteção de Dados), o DPO PRO.

Após o sucesso das primeiras edições, tanto no Porto como em Lisboa, a DPO Consulting lança as duas edições destas formações que contam com o prestígio da AEP e da DPO Consulting, e que capacitam os próximos Data Protection Officers.

A 9ª edição da DPO PRO terá início já no próximo dia 22 de março no Porto, na sede da AEP em Leça da Palmeira, e a 4ª edição em Lisboa, no dia 25 de março, no IAPMEI, no Lumiar.

Estima-se que, em toda a Europa, faltam mais de 35 mil Especialistas em Proteção de Dados. O programa de Formação DPO PRO é a única formação com o selo de qualidade da AEP e da DPO Consulting que visa preparar e legitimar os Responsáveis de Proteção de Dados do futuro.

Na opinião de Elsa Veloso, Advogada, Certified Information Privacy Professional Europe, Fundadora e CEO da DPO Consulting, “a opção por um Responsável da Proteção de Dados externo devidamente qualificado, conhecedor do RGPD e das metodologias, inteirado das orientações europeias sobre as melhores práticas em matéria de proteção de dados, traz às organizações um acervo de vantagens que são inquestionáveis”.

Elsa Veloso lança ainda o alerta para a necessidade urgente da implementação de uma legislação nacional sobre a proteção de dados. “Parece pouco compreensível que, tendo o Estado tido dois anos para estudar e preparar a legislação, não tenha considerado como prioritária a questão da proteção de dados. Com ou sem legislação de concretização, primordial é também que as organizações procurem aconselhamento e apoio especializado junto de quem pode informar e aconselhar com pleno conhecimento de causa, quer na lei, nos conceitos ou nas diversas orientações que existem em matéria de proteção de dados”.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 20 Julho 2019

IT INSIGHT Nº 20 Julho 2019

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.