Estudo revela que IA generativa está presente em mais de 50% das organizações portuguesas

O estudo demonstra que setores como Defesa & Inteligência, Tecnologia e Retalho têm uma alta utilização de inteligência artificial, ao contrário de outros setores, como é o caso do setor Público e da Saúde

Estudo revela que IA generativa está presente em mais de 50% das organizações portuguesas

A Devoteam apresentou as conclusões da primeira fase do estudo Empower Business with GenAI, onde concluíram que mais de metade das empresas portuguesas já utilizam a Inteligência Artificial (IA) generativa como ferramenta. Isto é, 53,7% das organizações nacionais usam pelo menos uma aplicação de IA generativa, o que demonstra que este tipo de tecnologia está a ser cada vez mais implementada e a ter destaque nas empresas e organizações.

De acordo com os resultados, a IA é uma realidade cada vez mais presente na maioria das empresas portuguesas, com 83,2% dos inquiridos a referir que têm experiência com este tipo de tecnologia. A investigação indica que foi registado um aumento de procura por ferramentas de IA generativa por parte das empresas portuguesas. Mais de 95% dos participantes tencionam ter contacto com a IA ainda este ano, sendo que 44,3% já a utilizam para descobrir conteúdos e respostas. Algumas outras aplicações mais populares da IA generativa são a criação de código (40,6%), feedback de conteúdo (31,2%) e a criação de conteúdos para marketing (28,5%).

A pesquisa realizada comprova que a IA está cada vez mais presente no dia a dia das empresas portuguesas e que as soluções de IA generativa, cada vez mais procuradas, demonstram o potencial da tecnologia para transformar diversos setores da economia. Na nossa opinião, as empresas que investem nesta tecnologia hoje estão mais bem preparadas para o futuro”, afirma Pedro Martins, Executive Director & Head of Data and AI na Devoteam e CEO Singularity Part of Devoteam, em comunicado.

Segundo o estudo, os setores que falham na utilização desta tecnologia é o Setor Público (57,1%) e o setor da Saúde (46,2%), enquanto áreas como Defesa & Inteligência (100%), Tecnologia (92,2%) e Retalho (89,5%) são os setores com maior percentagem de utilização de inteligência artificial generativa.

Quando questionados sobre as políticas que estão a ser implementadas nas suas empresas sobre a IA, 16,4% dos inquiridos responderam de forma positiva, no entanto 30,2% desconhece a política de IA da organização. Contudo, 48,7% referiu que está em desenvolvimento.

Atualmente, a inteligência artificial é uma ferramenta importante para impulsionar a inovação e a eficiência das empresas. No entanto, apenas 41,7% das empresas nacionais aplicaram uma framework que suporta diversas iniciativas nesse ramo. As áreas de Media & Comunicação e Tecnologia são líderes na implementação de frameworks de inteligência artificial generativa, comprovando a compreensão do potencial que esta tecnologia tem para ajudar a transformar os processos e modelos de negócio.

Com base nos resultados da pesquisa pode-se concluir que a implementação de IA generativa em Portugal ainda está numa fase inicial, mas que tem um panorama promissor.

A crescente adoção da GenAI no trabalho indica que esta tecnologia tem um grande potencial para transformar a forma como trabalhamos. A GenAI pode automatizar tarefas repetitivas, aumentar a produtividade e gerar insights valiosos para as empresas. Acredito que a GenAI pode ser útil para a grande maioria das funções ou cargos. As empresas que investem na GenAI podem preparar os seus colaboradores para o futuro do trabalho e aumentar a sua competitividade no mercado”, acrescenta Pedro Martins.

O estudo ainda revela que 67,4% dos profissionais que utilizam produtos de inteligência artificial generativa nas suas empresas consideram-nos muito úteis. No entanto há espaço para crescente já que 24,5% dos trabalhadores afirmaram que nunca usaram produtos de IA generativa, e 8,1% não os acha úteis.

Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 49 Maio 2024

IT INSIGHT Nº 49 Maio 2024

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.