Branded Content

Cloud computing - Por uma cidade mais inteligente

Uma cidade inteligente é o exemplo perfeito de um ecossistema em que a diversidade e a complexidade dos desafios e soluções requerem o envolvimento de parceiros com níveis de especialização e competências diferentes

Cloud computing - Por uma cidade mais inteligente

As cidades querem garantir uma integração eficiente entre sistemas físicos, digitais e humanos, para oferecerem um ambiente sustentável, próspero e inclusivo aos seus cidadãos. Para isso têm de criar alicerces tecnológicos que otimizem a gestão operacional, a 360 graus. As apps, os carros elétricos e os contadores inteligentes são apenas a ponta do iceberg das cidades inteligentes. Na base de toda a inovação está um conjunto de soluções suportadas por tecnologias nucleares e avançadas - computação, bases de dados, data wharehouses, analítica de big data, streaming de dados em tempo-real, Inteligência artificial (IA), machine learning e Internet-of-Things (IoT) – que permite materializar as ambições de qualquer centro urbano.

A cloud integra e otimiza o uso de todas estas tecnologias, e permite recolher, partilhar e disseminar dados e informações de uma forma segura e eficiente, com maior escalabilidade, segurança e suporte à conformidade, Total Cost of Ownership (TCO) e agilidade. É o motor de inovação que vai alterar a forma como as cidades usam a tecnologia.

Smart Economy

Pela flexibilidade que oferece, a cloud consegue garantir uma abordagem simples, prática e financeiramente viável para o aumento da eficiência e satisfação dos serviços públicos, com efetiva redução de custos e equilíbrio das contas e ainda aliar as mais avançadas soluções tecnológicas à experiência de gestão de serviços públicos e planeamento urbano. É por isso a infraestrutura eleita para suportar as metas de eficiência definidas e a gestão inteligente de todas as áreas que possam ser automatizadas, e usem computação processual baseada na cloud, computação cognitiva, retenção de dados e analítica.

Smart Mobility

As comunicações de alto débito, a IoT, a cloud e a IA têm um papel fundamental no desenvolvimento de sistemas inteligentes e na análise dos dados que suportam as decisões “inteligentes” dos mais distintos mecanismos, sem intervenção humana – câmaras e sensores que preveem congestionamentos e sugerem alternativas, que reprogramam os tempos de abertura e fecho dos semáforos em função da maior ou menor intensidade de tráfego, entre outros exemplos. A mobilidade sustentável é um dos maiores desafios para as cidades.

Smart Governance

As autarquias podem criar ferramentas de e-Governance que dão voz aos cidadãos, facilitam a comunicação e promovem a democracia participativa. Apps e serviços podem desburocratizar, facilitar, centralizar informação e recorrer à analítica de dados para criar políticas de prevenção e otimização de serviços de administração e segurança e de saúde pública.

Smart People e Smart Living

As smart cities ajudam também a fixar pessoas, atrair talento e evitar a desertificação. Para tal, as autarquias têm de investir em sistemas que ajudem os cidadãos a ter uma vida mais confortável, dinâmica, saudável e sustentável. Atualmente, as pessoas privilegiam as boas infraestruturas e a liberdade de poderem gerir a sua vida pessoal e profissional através do smartphone – acesso a dados, a serviços públicos, bancos, pagamentos móveis, e todo um conjunto de informação que lhes permita agilizar, de uma forma mais rápida e eficiente, o seu dia-a-dia.

Smart Environment

Através de sensores e sistemas de medição inteligentes, que transferem dados para a cloud e colocam toda a informação mais relevante à disposição, os municípios e cidadãos podem rever procedimentos e adotar políticas de utilização de recursos naturais mais racionais. A transparência desta informação permite a gestão mais sustentada destes recursos e um controlo de custos que agrada a ambos. Com soluções cloud, as cidades podem recorrer aos managed services para ajustarem as soluções às suas necessidades e limitações em termos de recursos. Mais flexível, este modelo é visto como a solução que mais rapidamente consegue promover a inovação, e responder ao acelerado ritmo de mudança das smart cities.

 

Branded content co-produzido pela MediaNext para a Claranet.

Tags

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 20 Julho 2019

IT INSIGHT Nº 20 Julho 2019

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.