Fábrica Schneider reconhecida como referência i4.0

No 12ªAnnual Meeting of the New Champions, do Fórum Económico Mundial, em Tianjin, China, a Schneider Electric viu a sua fábrica de Le Vaudreuil, em França, ser eleita como uma das nove maiores referências a nível mundial, que incorporam as tecnologias da Quarta Revolução Industrial na produção moderna

Fábrica Schneider reconhecida como referência i4.0

As fábricas reconhecidas no Fórum Económico Mundial utilizam uma vasta gama de tecnologias da Quarta Revolução Industrial, em escala, mantendo, ao mesmo tempo, as pessoas e a sustentabilidade como foco das suas estratégias de inovação. Inteligente e integrada, a fábrica da Schneider Electric em Le Vaudreuil introduziu ferramentas digitais, como a realidade aumentada, que conferem aos operadores visibilidade sobre as operações, a manutenção e o uso de energia em todos os locais, o que contribuiu para a redução de 30% dos custos de manutenção e para o aumento de 7% na eficiência geral do equipamento.

A Schneider Electric é exemplo da implementação bem sucedida das tecnologias da Quarta Revolução Industrial nas fábricas inteligentes do futuro

A 12ªAnnual Meeting of the New Champions, do Fórum Económico Mundial, reuniu mais de 2000 líderes empresariais, decisores políticos e especialistas de mais de 80 países, em debates de alto nível sob o tema do ano: Criar Sociedades Inovadoras na Quarta Revolução Industrial. Estima-se que a Quarta Revolução Industrial venha a representar um contributo de 3,7 triliões de dólares para a economia global, através da otimização da produção[1]. 

Durante a cimeira, as fábricas inteligentes do futuro, selecionadas a partir de uma lista de mais de 1000 empresas fabricantes de todo o mundo, obtiveram reconhecimento em resultado da implementação bem sucedida de tecnologias da Quarta Revolução Industrial,  refletida em impactos financeiros e operacionais.

A fábrica da Schneider Electric de Le Vaudreuil foi reconhecida como uma das nove maiores referências na implementação de tecnologias da Quarta Revolução Industrial em escala. Esta fábrica implementou as mais recentes ferramentas digitais, tais como o EcoStruxureTM Augmented Operator Advisor, que permite que os operadores usem realidade aumentada para acelerar as operações e a manutenção, proporcionando ganhos de produção entre 2% e 7%. A primeira implementação do EcoStruxureTM Resource Advisor permitiu uma poupança de energia de 30% e contribuiu para uma melhoria contínua ao longo dos anos.

A fábrica da Schneider Electric de Wuhan foi igualmente reconhecida pela comunidade de especialistas do Fórum como uma enorme referência em desenvolvimento, devido à adoção pioneira de tecnologias de fabrico inteligentes na China. Escolhida há dois anos como local para dar início à viagem de transformação digital da Schneider Electric, a fábrica de Wuhan utiliza a arquitetura EcoStruxureTM for Industry, da Schneider Electric, definindo o padrão para as fábricas inteligentes na China e noutros locais. A fábrica implementou a avaliação de desempenho e fiabilidade dos ativos através de soluções baseadas na IIoT e na cloud, as quais permitiram obter um retorno sobre o investimento em seis meses.

Alain Dedieu,  Senior Vice President, Strategy, Industry Business, em representação da Schneider Electric na sessão de trabalhos Construindo as Fábricas do Futuro, apresentou a implementação de tecnologias inovadoras da Schneider Electric nas suas próprias fábricas, com o propósito de demonstrar como o mundo conectado e digital de hoje proporciona excelência operacional, bem como vantagens empresariais competitivas, através de uma melhor experiência do cliente. Destacou ainda como as práticas da cadeia de abastecimento global da Schneider Electric têm contribuído para acelerar a indústria sustentável e ecológica.  

 

Da demonstração à transformação: a rede de fabricantes de referência

Mais de 70% das empresas que estão a investir em tecnologias como analítica de grandes volumes de dados, inteligência artificial ou impressão 3D não têm capacidade para implementar os seus projetos para além da fase experimental. Para enfrentar os desafios que se colocam às indústrias quando se trata de investir em tecnologias avançadas, tanto em economias avançadas como nas economias emergentes, o Fórum Económico Mundial lançou oficialmente a rede de “fabricantes de referência” de forma a criar uma plataforma de aprendizagem onde estas fábricas captam os benefícios para o ecossistema dos fabricantes em geral, que inclui grandes organizações multinacionais, pequenas e médias empresas, start-ups, governos e o meio académico.

A Schneider Electric faz hoje parte de uma comunidade de elite da Quarta Revolução Industrial que concordou em abrir as suas portas para partilhar o seu conhecimento e melhores práticas com outras indústrias (tais como a indústria alimentar e de bebidas, a indústria eletrónica, etc.) e em desenvolver um ecossistema de empresas inovadoras, que continuará a crescer e a promover a adoção de tecnologias de produção inteligentes.

A fábrica de Le Vaudreuil já recebeu o selo Vitrine Industrie du Futur, (Montra da Indústria do Futuro) da Alliance Industrie du Futur, em França. A 3 de abril de 2018, esta fábrica transformada digitalmente, foi inaugurada na presença de Sébastien Lecornu, French Secretary of State and Minister of Ecological and Inclusive Transition, e de Jean-Pascal Tricoire, Chairman & CEO da Schneider Electric.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 18 Março 2019

IT INSIGHT Nº 18 Março 2019

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.