União Europeia investiga importação de cabos de fibra ótica da China

Foi lançada uma investigação oficial para determinar se os cabos de fibra ótica provenientes da China estão a ser vendidos no espaço europeu a preço artificialmente baixos

União Europeia investiga importação de cabos de fibra ótica da China

A Comissão Europeia lançou uma investigação à importação de cabos de fibra ótica da China. De acordo com a Reuters, a investigação foi lançada porque os fabricantes de cabos europeus acreditam que os cabos de networking importados são vendidos na Europa a preços artificialmente baixos.

A Europacable realizou a queixa em nome dos produtores da União Europeia, que contem produtos de fios e cabos da Europa. Segundo a Europacable, cerca de 1,2 milhões de quilómetros de cabos foram instalados no último ano na Europa, onde entre 15 a 20% vieram da China.

O grupo e os seus membros vão suportar a Comissão Europeia nos seus esforços para restaurar um nível de mercado no mercado europeu para os cabos de fibra ótica. “Os membros da Europocable estão fortemente comprometidos a manter e, onde necessário, a procurar restaurar, as condições de competição justas para todos os produtos de fios e cabos que representam no mercado Europeu”, afirmou a associação.

Tags

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 27 Outubro 2020

IT INSIGHT Nº 27 Outubro 2020

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.