‘Data gravity’ aumenta volume de dados nas empresas em 80%

O Fórum Económico Mundial calcula que, até 2025, sejam criados diariamente mais de 463 exabytes de dados, apressando a inovação nas empresas para garantir da segurança das interações com clientes

‘Data gravity’ aumenta volume de dados nas empresas em 80%

Um estudo recente do International Data Group (IDG) revelou que o volume de dados está a aumentar em média 63% a cada mês. A afluência de dados está a amplificar a criação de aplicações e serviços, tendência conhecida como ‘data gravity’ ou força de atração de dados. Segundo o Data Gravity Index da Interxion, há cinco aspetos que ampliam o ‘data gravity’ nas empresas: a gestão de dados corporativos; fusões e aquisições; interações digitais; localização dos dados e a cibersegurança.

No que toca à gestão de dados corporativos, prevê-se que, em 2025, cerca de 80% dos dados mundiais estejam a cargo das empresas, aumentando a necessidade de petabytes (PB). Calcula-se que até 2022, a necessidade de PB aumente a um ritmo superior a 35%, anualmente. 

Num segundo plano, espera-se também que à medida que as empresas se transformam nas principais gestoras de dados, o volume de fusões e aquisições estimule o número de fontes de dados que participam nas trocas de dados. Tendo em consideração que o ‘data gravity’ gera barreiras de acesso à inteligência dos dados, espera-se que a análise e processamento dos dados seja um desafio. De acordo com o McKinsey Global Institute, atualmente apenas 8% das empresas utilizam análises avançadas para aproveitar ao máximo o valor dos dados de fusões e aquisições. 

Outra das macrotendências é a facilidade nas interações devido à digitalização. A explosão de dados vai continuar a acelerar à medida que as interações em meio digital vão sendo facilitadas, criando uma agilização no ambiente de trabalho digital das empresas. Como resultado, as interações digitais passam a ser mais importantes do que as interações físicas. 

Outra preocupação concerne a localização de dados. Como resultado do aumento do volume de dados, cerca de 87% dos CIO acreditam que em 2022 vão salvar cópias locais de dados de clientes e de transações. 

Por fim, a cibersegurança ganha novos contornos e responsabilidades. Mover os dados para outras aplicações e espaços virtuais cria oportunidades de ataque para os cibercriminosos e os riscos de ataque aumentam significativamente. De acordo com a Gartner, em 2023 70 % das soluções de cibersegurança integram novos pontos de presença, como sistemas de IT, OT e IoT.

A Interxion considera que a solução para o efeito ‘data gravity’ passa por implementar uma estrutura centrada nos dados de data centers especializados, revertendo o fluxo do tráfego de dados e aproximando a cloud, os utilizadores e os dados corporativos de forma privada

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 31 Maio 2021

IT INSIGHT Nº 31 Maio 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.