Empresas de segurança vão ajudar Google a analisar apps Android

Pelo menos três empresas de segurança vão ajudar a Google a analisar as aplicações disponíveis para o sistema operativo Android antes de serem publicadas na Google Play Store

Empresas de segurança vão ajudar Google a analisar apps Android

Numa tentativa de tentar diminuir que aplicações com malware continuem a estar disponíveis nos smartphones dos utilizadores, a Google criou uma parceria com a Eset, Lookout e Zimperium para que as empresas de segurança analisem as aplicações antes de estas serem publicadas na loja de aplicações do Android, a Google Play Store.

Por norma, o malware para Android concentra-se em esquemas de ganhar dinheiro, incluindo adware e fraude de assinatura. Em junho, investigadores descobriram que uma plataforma de adware chamada BeiTaAd foi incorporada em 238 aplicações diferentes que, entre si, forma instaladas mais de 440 milhões de vezes.

A Lookout, em conjunto com a ESET e o Zimperium, vão começar a analisar aplicações depois de enviados para a Google e antes de aparecerem na Play Store. Os serviços de verificação dos três parceiros devem operar com as verificações de malware existentes da Google, como parte dos sistemas de deteção do Google Play Protect.

"Isto irá gerar uma nova inteligência de risco de aplicações à medida que as aplicações estiverem a ser colocados na fila para publicação", afirmou a Google em comunicado. "Os parceiros vão analisar esse conjunto de dados e atuar como outro vital par de olhos antes de uma aplicação ser lançada na Play Store".

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 24 Março 2020

IT INSIGHT Nº 24 Março 2020

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.