Branded Content

A evolução da mobilidade e IoT tem um impacto direto na infraestrutura de rede

A mobilidade empresarial não se cinge à utilização de laptops e smartphones. O avanço do IoT obriga a considerar dispositivos como tablets em salas de aula, sistemas inteligentes de trânsito ou monitores de pacientes “wearable” em hospitais.

A evolução da mobilidade e IoT tem um impacto direto na infraestrutura de rede

Naturalmente que a suportar qualquer serviço móvel existe uma infraestrutura de rede. Seja com ou sem fios, 3/4/5G, privadas ou públicas, as infraestruturas de rede sustentam a mobilidade. Neste cenário de transformação, as empresas têm que repensar as suas infraestruturas de rede, tendo em vista reduzir custos, melhorar o desempenho e a segurança e suportar a introdução de novos dispositivos. 

Em termos de mobilidade corporativa, podemos resumir os seguintes pontos: 

  • A maioria das comunicações no local de trabalho acontece na rede Wi-Fi corporativa; 
  • Os utilizadores colaboram, dentro e fora do local de trabalho, através de vários dispositivos e aplicações que disponibilizam serviços de VoIP, mensagens instantâneas, chamadas vídeo, conferências áudio/vídeo e partilha de documentos; 
  • BYOD tornou-se a norma, levando o IT a disponibilizar soluções que suportem a conectividade a todos os funcionários, clientes e visitantes que trazem dispositivos pessoais para a rede da empresa; 
  • Os utilizadores esperam um desempenho excelente e contínuo em qualquer ponto do local de trabalho. 

Mobilidade para dispositivos na era do IoT

Nos últimos anos, os dispositivos de IoT foram projetados com o intuito de melhorar a produtividade, oferecer novas funcionalidades e melhorar a experiência do cliente. Devido a esses benefícios, são as unidades de negócios que estão a impulsionar a sua adoção nas empresas, colocando novos desafios ao IT e às redes existentes. 

A tecnologia Wi-Fi existente na maioria das empresas dificilmente oferece suporte a estes novos dispositivos, a somar aos equipamentos que cada colaborador já dispõe. 

Está a sua rede verdadeiramente preparada para a mobilidade? 

Para responder a estes novos requisitos de negócio, os utilizadores, os dispositivos de IoT e suas redes precisam de: 

  • Melhorar o serviço em áreas com alta densidade de dispositivos; 
  • Aumentar a largura de banda, suportar velocidades mais elevadas e diminuir a latência; 
  • Múltiplas opções de PoE para dispositivos IoT; 
  • Definição e reforço de estratégias de segurança, por ex. Contenção de tráfego IoT; 
  • Baixar os custos de propriedade, mediante a introdução de mecanismos de gestão automatizados; 

Pontos fortes da nossa solução 

  • Arquitetura Inovadora de inteligência distribuída, adaptada a soluções de pequenas, médias e grandes dimensões. Suportando os mais recentes protocolos Wi-Fi para implementações de elevada performance e alta densidade. 
  • Acesso Unificado, garantindo aos utilizadores a mesma experiencia de utilização estejam conectados via rede com ou sem fios. A gestão é feita com base no utilizador e não na tecnologia de acesso, facilitando o trabalho do departamento de IT e redução do TCO. 
  • Gestão Unificada, permitindo fornecer um conjunto de serviços de rede, gestão de políticas, segurança e autenticação, aplicável independentemente da tecnologia de conexão. 

Controlo e inteligência distribuídos 

Graças à tecnologia de controlo e inteligência distribuídos nos AP’s WLAN, a solução Alcatel-Lucent remove pontos de falha na rede, seja um controlador físico ou virtual. 

Devido à capacidade dos processadores embutidos nos AP’s Stellar, é possível distribuir recursos de controlo entre todos os AP’s do cluster como numa abordagem de modelo blockchain, em vez de centralizar num controlador físico ou virtual. 

Com esta tecnologia garante-se uma maior escalabilidade do sistema. As rotas de cada pacote são mais curtas, menor latência e maior capacidade de tráfego, proporcionando uma melhor experiencia de utilização em especial para aplicações em tempo-real, como seja a voz e vídeo. 

A solução Alcatel-Lucent OmniAccess® Stellar, suporta funcionalidades de QoS, segurança, regras de aplicação e de firewall aplicadas diretamente no acesso da rede. 

A vantagem de aplicar estas regras no acesso permite aos administradores, com o suporte da aplicação de gestão Omnivista®, gerirem e identificarem o tráfego que entra na rede otimizando a largura de banda disponível para cada aplicação, para além de garantir um nível de segurança superior.

 

Conteúdo co-produzido pela MediaNext para a Alcatel-Lucent Enterprise

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 22 novembro 2019

IT INSIGHT Nº 22 novembro 2019

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.