Millennials são fundamentais na transformação digital das empresas, segundo a Forrester

Os Millennials tornam as empresas um local mais criativo, colaborativo e sem rotinas. No entanto, esta integração não será fácil porque as empresas não estão pensadas para o mundo digital, alerta a Forrester.

Millennials são fundamentais na transformação digital das empresas, segundo a Forrester

O estudo "Digitalizing Your Business Strategy – Creating Value for Customers in the Digital Age", realizado pela Forrester junto de 150 empresas europeias (incluindo Alemanha, Espanha, França, Itália e Reino Unido) revelou queo novo ambiente de trabalho é influenciado pelas diferentes expetativas dos millennials sobre o que será a sua carreira profissional, uma vez que acreditam que esta é facilitada pela tecnologia, estando sempre online. No entanto, esta integração não será fácil – as empresas não estão pensadas para o mundo digital e têm de reinventar os seus negócios se querem oferecer aos consumidores a experiência que estes desejam – de outra forma, estão destinadas ao insucesso.

Para a Forrester, o facto de a transformação digital estar iminente, e exigir novas competências e conhecimentos sobre os negócios digitais, é o ponto de partida para a entrada dos Millennials nas empresas, que se tornam assim uma mais-valia para as equipas.

Segundo as estatísticas, os Millennials vão representar 50 por cento do mercado de trabalho mundial até 2020. De acordo com o mesmo estudo, a definição de uma estratégia de transformação digital é um trabalho de equipa e inclui o próprio diretor geral da empresa, que deverá criar uma cultura focada no cliente e que promova a inovação. E os negócios digitais exigem equipas capazes, que trabalham com os clientes para conseguirem uma mudança real. É nesse preciso momento que a integração dos Millennials deverá ser efectuada, para que a transformação digital das empresas seja bem-sucedida e redesenhe a experiência do consumidor.

O estudo indica que para as empresas atraírem os jovens, necessitam de lhes garantir as ferramentas que permitem o networking e a colaboração, através, por exemplo, do talento usando as redes sociais, que promovem a inovação; encorajando as equipas a resolverem os problemas em grupo, ou dando-lhes as tecnologias que lhes são familiares e que os ajudam a cumprir os seus objetivos, tais como, ferramentas de colaboração, video conferência, trabalho remoto e dispositivos móveis.

Devido ao crescente poder e influência desta geração no mercado de trabalho, a Forrester salienta o caso da Microsoft, que tem vindo a modernizar a sua principal ferramenta de produtividade, o Office, e a introduzir uma série de novas funcionalidades, que têm como objetivo promover a colaboração e a capacidade de trabalhar em equipa.

Para a Forrester, as empresas que incluírem este tipo de tecnologia na sua estratégia, serão capazes de atrair e reter esta nova geração de trabalhadores.

Tags

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 19 Maio 2019

IT INSIGHT Nº 19 Maio 2019

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.