Um terço dos retalhistas acreditam que ‘novo normal’ do comércio é permanente

Entre 50 empresas inquiridas, 90% julga que o e-commerce vai manter o atual nível de crescimento ou aumentar exponencialmente nos próximos anos

Um terço dos retalhistas acreditam que ‘novo normal’ do comércio é permanente

Na sequência das mudanças acentuadas que a pandemia provocou, as empresas de retalho estão focadas na mudança permanente dos hábitos dos consumidores, que passaram para canais de retalho digitais e online, conta novo estudo da Taulia, fornecedora fintech de soluções de capital de trabalho. Em comunicado, Alexander Mutter, Head of EMEA Sales da Taulia, comentou que os últimos dois anos “colocaram uma enorme pressão em muitos retalhistas, quer a tensão tenha sido causada por uma necessidade súbita de se concentrar no retalho digital ou pressões que impactam a sua cadeia de fornecimento”.

A Taulia inquiriu mais de 50 das maiores empresas de retalho a nível mundial para compreender as tendências, sentimentos e pontos de vista atuais do ecossistema de retalho após a pandemia num novo trabalho de investigação. Os resultados indicam que um terço dos grandes retalhistas globais acreditam que o impacto da pandemia na sua indústria é permanente. Além disso, sugere que as empresas devem priorizar a construção dos seus canais de retalho online e investir nas tecnologias digitais necessárias para facilitar estes canais.

Por outro lado, os investigadores concluíram que os vários retalhistas ou têm conseguido ou planeiam adaptar-se ao novo mundo do comércio. “O nosso inquérito salientou que não só a indústria retalhista está a aceitar a necessidade de se adaptar e de ser flexível, como também encontra o apoio necessário para o fazer. As ações da indústria retalhista estão a garantir que a cadeia global de fornecimento responda às dificuldades em vez de se partir sob a pressão”, explica Mutter. 

Adicionalmente, 90 % acredita que as transações online vão manter o atual nível de crescimento ou aumentar exponencialmente nos próximos anos. Outros 90% disse que a retenção dos fornecedores era de importância crucial para a sua estratégia de negócio. 

"A utilização de ferramentas financeiras e tecnologia em toda a cadeia de fornecimento de retalho tem sido e continuará a ser crucial para proteger e fortalecer a economia global. As relações com fornecedores são fundamentais e ferramentas financeiras como o Supply Chain Finance e o Dynamic Discounting permitem que esta relação proporcione flexibilidade financeira e garanta a continuidade do negócio”, acrescenta o Head of EMEA Sales.

Quase 70% dos retalhistas utilizam ou a planearem utilizar este tipo de soluções e pagamento antecipado para apoiar fornecedores com as suas necessidades financeiras. Outros 60% planeiam transformar a sua estratégia de aquisição para se adaptarem a fatores políticos e sociais. 

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 33 Outubro 2021

IT INSIGHT Nº 33 Outubro 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.