Realidade ainda está longe da expectativa nos programas de sustentabilidade

Uma investigação pedida pela Schneider Electric indica que existem várias lacunas nas ações para a sustentabilidade dos data centers e das indústrias de IT

Realidade ainda está longe da expectativa nos programas de sustentabilidade

A Schneider Electric lançou três estudos independentes para compreender melhor a maturidade das iniciativas de sustentabilidade nas organizações de TI e data centers e, mais especificamente, o progresso desta indústria para alcançar a visão de operações de TI net-zero (sem emissões líquidas de carbono). Os resultados dos estudos revelam lacunas nas ações para a sustentabilidade.

A 451 Research, a Forrester e a Canalys recolheram, de forma independente, dados de mais de três mil participantes a nível mundial, incluindo os maiores fornecedores de colocation e cloud, fornecedores de soluções de TI e profissionais de TI em organizações de muitos segmentos e diferentes dimensões. No geral, os resultados demonstram consistentemente que, em toda a indústria de TI e data centers, existe uma discrepância entre onde as empresas pensam estar e a implementação de programas de sustentabilidade de ciclo de vida completo em toda a sua infraestrutura de TI.

De acordo com os resultados da 451 Research, que inquiriu 1.100 profissionais de TI responsáveis por TI core e distribuídas, 26% dos participantes declarou ter um programa de sustentabilidade de ciclo de vida completo abrangendo toda a infraestrutura, mas apenas 14% está a tomar as medidas necessárias para a sua implementação. A análise identificou ainda que 22% não aborda a sustentabilidade como um foco principal, embora possa ter iniciativas de eficiência para melhorar áreas específicas das operações.

Os data centers desempenham um papel crucial no desenvolvimento da Eletricidade 4.0, que acreditamos ser a chave para mudar a trajetória das alterações climáticas. Enquanto indústria, temos a responsabilidade de impulsionar os nossos compromissos ambientais com extrema urgência. Fizemos alguns progressos, mas, para evitar um grande desafio energético, todos os data centers – incluindo os de edge distribuído – devem ser mais sustentáveis, eficientes, adaptáveis e resilientes”, afirmou Pankaj Sharma, Executive Vice President, Secure Power Division da Schneider Electric. “A investigação é clara – a indústria sabe que a sustentabilidade precisa de ser priorizada, mas ainda existem desafios à tomada de medidas, cuja ultrapassagem implicará um esforço colaborativo. A boa notícia é que a tecnologia para entrar em ação na sustentabilidade já existe. Este é o momento de agir”.

Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 50 Julho 2024

IT INSIGHT Nº 50 Julho 2024

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.