Em 2020, 38 por cento dos pagamentos realizados na Europa serão digitais

A previsão é lançada pela MasterCard, que afirma que através do MasterCard Digital Enablement Service (MDES) será possível dar resposta à alteração do comportamento dos consumidores e permitir pagamentos digitais através de qualquer dispositivo

Em 2020, 38 por cento dos pagamentos realizados na Europa serão digitais

Após o nascimento dos serviços de carteiras digitais (Wallet) em 2014 nos EUA com o Apple Play, verifica-se que atualmente a grande tendência se prende no MDES, que já se encontra em desenvolvimento em 18 países da Europa. No Reino Unido, o MDES já conecta os bancos, representando mais de 70 por cento dos titulares de conta da Apple Pay. Entre os operadores de carteiras digitais que estão ligados ao MDES encontram-se a Google que anunciou recentemente a sua intenção de lançar o Android Pay no Reino Unido.

“O MDES é o elemento que serve de base a muitos dos desenvolvimentos em que temos vindo a apostar para oferecer transações digitais seguras, que permitem aos consumidores pagar onde e como desejam, de forma tranquila sabendo que a informação sobre os seus pagamentos e transações estão protegidas”, explica Paulo Raposo, Country Manager da MasterCard Portugal.

O MasterCard Digital Enablement Service já existe desde 2013, tendo marcado uma posição em direcção aos pagamentos 100 por cento digitais. O lançamento do Apple Pay em 2014 incorporou o MDES na carteira digital da Apple, seguindo-se posteriormente a adoção da plataforma pelo Samsung Pay e pelo Android Pay.

Jill Thornton, sénior chance manager do MBNA, salienta, “Somos dos primeiros a oferecer este tipo de pagamentos nesta vaga recente de fornecedores de carteiras digitais – trabalhar com a MasterCard no MDES permitiu-nos alargar as possibilidades de escolha dos métodos de pagamentos aos nossos clientes. Estamos em condições de oferecer pagamentos digitais seguros e continuamos a investir fortemente para poder proporcionar aos nossos clientes ainda mais opções e conveniência no modo como pagam”.

Além das carteiras digitais, a MasterCard está a investir em serviços de Tokenização baseados no MDES Express e no MDES para Comerciantes. A MasterCard vê o MDES Express como uma evolução crítica para o serviço, ao simplificar o processo de adjudicação entre as instituições financeiras e serviços de pagamentos digitais.

A plataforma também tem sido utilizada para permitir pagamentos de um vasto conjunto de produtos de consumo em categorias como a automóvel, moda, tecnologia e wearables. No Mobile World Congress em 2016, a MasterCard e a Coin anunciaram um programa para developers com o objetivo de potenciar a integração de soluções de pagamentos em wearables e reduzir as barreiras à entrada para fabricantes de dispositivos.

“À medida que o ecossistema de pagamentos se altera do plástico para o digital e que aumenta a facilidade de acesso dos consumidores a uma variedade de gadgets e dispositivos para efetuarem os seus pagamentos, a MDES oferece segurança em toda a cadeia de valor, assegurando que os emissores, comerciantes e consumidores têm acesso à forma mais segura de efetuar os seus pagamentos”, conclui David Dechamps, diretor de Digital Payments Europe da MasterCard.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 32 Julho 2021

IT INSIGHT Nº 32 Julho 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.