Microsoft aposta na autenticação sem palavra-passe

Internamente, 90% dos colaboradores da Microsoft já utilizam uma solução de autenticação sem palavras-passe

Microsoft aposta na autenticação sem palavra-passe

Segundo a Microsoft, o número de pessoas que usam as suas soluções de login sem palavras-passe já atingiu os 150 milhões, um número bastante mais elevado quando comparado com os números de novembro do ano passado, anunciados na conferência Microsoft Ignite.

Este número abrange utilizadores de serviços online da Microsoft como o Azure, GitHub, Office e Xbox e inclui utilizadores que usam o Windows Hello (impressão digital e reconhecimento facial) para aceder às redes Azure Ative Directory (Azure AD) e utilizadores que empregam a aplicação oficial do Microsoft Authenticator e chaves de segurança baseadas em FIDO2 para iniciar sessão em várias contas online sem utilizar senhas.

Um dos objetivos atuais da Microsoft é pressionar e apoiar os utilizadores a adotar soluções de autenticação multi-fator (MFA) ou sem palavras-passe para usufruir das suas contas.
A empresa garante ainda que existem funcionalidades de segurança melhoradas de uma conta MFA ou sem palavras-passe, quando comparada com contas garantidas apenas por palavras-passe, que a maioria dos utilizadores tendem a reutilizar, expondo contas a possíveis ciberataques.

A Microsoft explicou ainda que a MFA bloqueia 99,9% de todos os ataques de aquisição de contas (ATO) e que os ataques de bypass do MFA são tão raros que a empresa nem sequer tem estatísticas sobre este tipo de ataques.

Para além das melhorias na segurança das contas, existe ainda um benefício económico, nomeadamente sob a forma de custos de apoio tecnológico reduzidos, uma vez que os funcionários não têm uma palavra-passe para esquecer e consequentemente, pedir a sua reposição.

Segundo Joy Chik, Vice-Presidente Corporativo da Microsoft Identity, a maioria dos colaboradores da Microsoft já avançaram para sistemas sem palavras-passe. "A equipa de IT da Microsoft passou a utilizar autenticação sem palavras-passe e agora 90% dos funcionários da Microsoft fazem sessão sem introduzir uma senha", explica Joy Chik. "Como resultado, os custos de suportar palavras-passe diminuíram 87%", conclui.

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 26 Julho 2020

IT INSIGHT Nº 26 Julho 2020

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.