Gartner calcula crescimento de 12,4% nas despesas em segurança e gestão de riscos

A forte taxa de crescimento reflete a procura contínua de tecnologias para trabalhadores remotos e segurança na cloud

Gartner calcula crescimento de 12,4% nas despesas em segurança e gestão de riscos

Na CIO Agenda Survey 2021 da Gartner, a cibersegurança foi a prioridade de gastos, com 61% dos mais de 2.000 inquiridos a preverem aumentar o investimento em cibersegurança este ano. A mesma consultora espera que os gastos globais em tecnologias e serviços de segurança da informação e de gestão de risco cresçam 12,4% para mais de 150 mil milhões de euros até 2021.

Os analistas da Gartner salientam que a forte taxa de crescimento reflete a continuação da procura de tecnologias para trabalhadores remotos e segurança na cloud.

"As organizações continuam a responder às exigências regulatórias e de segurança da cloud pública e do software como um serviço", explica Lawrence Pingree, vice-presidente de investigação da Gartner. "Olhando para o futuro, estamos a ver os primeiros sinais de aumento da automatização e adoção de tecnologias de aprendizagem automática para apoiar a segurança da IA. Para combater os ataques, as organizações vão alargar e normalizar as atividades de deteção e resposta de ameaças".

Os serviços de segurança, incluindo serviços de consultoria, suporte a hardware, implementação e outsourcing, são responsáveis pela categoria de gastos mais elevados até 2021, com quase 72 mil milhões de euros em todo o mundo. A tecnologia integrada de gestão de risco (RM) também está a registar um crescimento robusto de dois dígitos em resultado dos riscos durante a crise da pandemia global.

"O ritmo da pesquisa de clientes indica que o CASB é uma escolha popular para organizações que usam a cloud", afirma Pingree. "Isto deve-se à crescente popularidade de usar dispositivos não PC para interagir com os principais processos de negócio, criando riscos de segurança que podem ser efetivamente atenuados com um CASB. Os CASBs também permitem uma interação mais segura entre aplicações SaaS e dispositivos não geridos".

Tags
Notícias relacionadas

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 31 Maio 2021

IT INSIGHT Nº 31 Maio 2021

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.