Desafios e oportunidades da Integração e Colaboração B2B

Desafios e oportunidades da Integração e Colaboração B2B

A transformação digital é um passo essencial para o sucesso e competitividade das organizações. É um processo que implica uma adaptação ao universo digital, envolvendo a adoção de plataformas mais inovadoras, mais rápidas, mais eficientes e mais rentáveis

Neste contexto, torna-se prioritária a integração e colaboração das aplicações informáticas com todo o ecossistema de parceiros de negócio. Esta integração de parceiros e de informações, ao garantir um maior intercâmbio entre clientes, fornecedores, operadores logísticos, administração etc., vai permitir que haja uma maior agilidade nos projetos e no negócio em geral.

Defendo que, atualmente, as organizações bem-sucedidas são aquelas que se encontram conectadas e que, juntamente com os seus parceiros, exploram novas tecnologias e novas formas de conetividade B2B.

Há, no entanto, uma questão importante a ressalvar: por se tratar de um processo implica, na maioria das vezes, alterações e adaptações (umas mais profundas que outras), pelo que convém estar atento a possíveis obstáculos que apareçam. Vivemos num mundo cada vez mais digital, as organizações estão cada vez mais globalizadas e, muitas vezes, a sua atividade diária envolve a gestão de várias pessoas, processos, canais… tratando-se de uma atividade complexa mas que pode ser simplificada por uma gestão eficiente, onde a “integração de negócios” ganha terreno.

Em 2016, a Generix juntamente com a IDC desenvolveu um estudo muito interessante sobre “Como melhorar a Integração das TI, de forma a maximizar o valor e produtividade nas empresas?”, cujos resultados demonstraram que um dos principais desafios de TI tem a ver com os elevados custos de implementação de TI e a complexidade da integração das redes de informação.

Segundo a pesquisa feita, muitas empresas confrontam-se com a incapacidade de trabalhar, de forma competitiva, com diferentes formatos de dados, o que por sua vez conduz à incapacidade de satisfazer, de forma eficiente, as encomendas dos seus clientes. Concluindo-se que, parte da solução deste problema, está na integração B2B e na colaboração entre todos os intervenientes do negócio.

Este estudo mostra-nos que a integração de negócios não é uma tarefa fácil, mas que com a criação de uma rede de negócios/parceiros de confiança e ferramentas eficazes, as empresas conseguirão ultrapassar as dificuldades e diferenciar-se no mercado.

Deixo-lhe cinco dos principais obstáculos (apontados por entre 60% e 80% dos inquiridos) que as empresas hoje enfrentam no caminho para a integração:

  • Dificuldade nos pedidos e na previsão do tempo de entrega, sendo este o obstáculo mais desafiante na colaboração com outras empresas;
     
  • Demasiados parceiros comerciais, o que acontece principalmente nas empresas de maior dimensão e naquelas que cresceram de forma inorgânica, através de aquisições e fusões;
     
  • Vários canais de vendas (web, B2B, e-mail, fax, telefone), sendo este um dos desafios que muitas PME`s enfrentam e que poderia ser resolvido através da implementação de ferramentas tecnológicas, de forma a facilitar o processo, em particular com a implementação de soluções do tipo OMS (Order Managment System);
     
  • Ausência de investimento que permita mudanças no processo, com 60% dos inquiridos a defender que deveria haver um maior impulso no investimento estratégico da integração B2B;
     
  • Complexidade da rede de negócios, que deve ser encarada não como um entrave ou problema, mas antes como uma vantagem e uma forma de poder crescer e progredir para uma integração correta.  

Para além destes, foram mencionados outros obstáculos como a falta de competências internas, a falta de confiança entre os parceiros de negócios e, por fim, a falta de compromisso com a integração B2B por parte da Administração.

Em suma, para uma integração B2B bem-sucedida tem de haver colaboração e um compromisso entre todas as partes na partilha de objetivos e metas a atingir. Esta postura, aliada às ferramentas tecnológicas certas, seguramente conduzirá a sua empresa à otimização da qualidade e da competitividade dos serviços prestados a todos os clientes!

 

Tags

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 10 Novembro 2017

IT INSIGHT Nº 10 Novembro 2017

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!