Como as bases de dados NoSQL estão a acelerar a transformação digital

No evento Couchbase Day: the Database for the Digital Economy, dirigido a clientes finais, a Syone demonstrou como a tecnologia NoSQL está a ajudar as empresas a liderar a transformação digital, com a apresentação da base de dados Couchbase para aplicações baseadas em web, mobile e IoT.

Como as bases de dados NoSQL estão a acelerar a transformação digital

No dia 2 de fevereiro a consultora Syone realizou em Lisboa o evento Couchbase Day: the Database for the Digital Economy, no qual apresentou a base de dados NoSQL Couchbase para aplicações baseadas em web, mobile e IoT, e explorou a forma como a tecnologia NoSQL é tanto um resultado como um motor da transformação digital. O evento contou, da parte da manhã, com duas sessões de esclarecimento, com Tiago Fonseca, Sales Director da Syone, e Manuel Hurtado, Solutions Engineer da Couchbase.

Domínio sobre os dados é uma necessidade crítica de qualquer grande projeto. Com a transformação digital, fatores como proliferação do mobile, a Internet of Things, Big Data, e a cloud continuam a aumentar os requerimentos de escalabilidade e performance de aplicações web e mobile das empresas, bem como o número de utilizadores, as suas expetativas, e as suas interações.

Estas tendências e novos modelos de negócio constituem tremendos desafios às bases de dados SQL tradicionais, segundo os oradores. Estas são difíceis de redimensionar e perdem fiabilidade e eficiência com o aumento do volume de dados, não podendo garantir a performance necessária para ir ao de encontro das expectativas do utilizador. As bases de dados NoSQL distinguem-se por conferir às empresas a agilidade necessária para aumentar a escala e eficiência operacional, ao mesmo tempo que reduzem os custos. Numa base de dados relacional, redimensionar implica aumentar a capacidade de processamento e memória de cada servidor único para suportar um maior número de operações. Uma base de dados NoSQL  como a Couchbase requer apenas aumentar o número de servidores, prometendo um scale-up fácil e económico.

A tecnologia NoSQL passou do domínio exclusivo do experimental e promissor para tomar parte, segundo a Syone e a Couchbase, em aplicações mission-critical mainstream. Está a ser adotada por grandes companhias em praticamente todas as indústrias para uma variedade de usos—e estas verificaram benefícios significativos e quantificáveis, como melhoria na performance da aplicação, escalabilidade mais fácil e económica, ciclos de desenvolvimento mais rápido, e gestão mais eficiente de recursos.

 

Couchbase: Casos de Uso

Durante o evento foram apresentados alguns use cases com bases de dados NoSQL.

 

Personalização

Os utilizadores esperam cada vez mais uma experiência altamente personalizada, o que requer volumes de dados muito superiores aos que uma base de dados SQL consegue suportar viavelmente. A AOL utiliza a Hadoop para análise de dados, criando então perfis dos visitantes que são guardados e acedidos em tempo real através do plugin Couchbase Server. 

 

Gestão de perfis

A gestão de perfis de utilizadores é a coluna vertebral de aplicações web e mobile. Com o aumento do número de perfis, complexidade de dados, e expetativas dos utilizadores, aumentam também as necessidades de escalabilidade, flexibilidade e performance. Um dos clientes da Couchbase, uma empresa Fortune 100 (não identificada), fabricante de eletrónica de consumo, gera centenas de milhões de perfis com a implementação da Couchbase em vários data centers a nível global.

 

Big Data em tempo real

A capacidade de extrair informação de dados operacionais em tempo real é indispensável para um empreendimento ágil. Para otimizar a eficiência operacional, reduzir custos e aumentar receitas é necessário agir sobre essa informação de forma atempada. Clientes como a Paypal beneficiam da Couchbase em complemento com a Hadoop para criar a base das suas plataformas analíticas.

 

Aplicações móveis

Cada vez mais utilizadores contam com apps móveis como principal meio de pesquisa, online shopping, mobilidade, e inúmeras outras aplicações. Estas correspondem a 80% do uso de serviços e aplicações online, quatro vezes mais que o acesso através de browsers. A companhia aérea Ryanair migrou a sua app móvel para uma nova plataforma que suporta mais de 1 milhão de utilizadores com o uso da Couchbase Mobile, verificando uma melhoria de performance significativa em comparação com o prévio uso de tecnologia SQL.

 

Internet of Things

De termostatos a câmaras de vigilância, existem hoje em dia mais de 20 mil milhões de dispositivos ligados à internet, recolhendo uma grande variedade de dados em igualmente grande volume através de mais de 50 mil milhões de sensores. Empresas em quase todas as indústrias podem tomar partido destes dados para otimizar a sua eficiência operativa e desenvolver serviços competitivos. Foi o que fez uma empresa de telecomunicações Fortune 100 (não identificada), escolhendo o Couchbase Server para suportar um novo serviço que permite aos seus clientes empresariais monitorizar e gerir dispositivos ligados às suas redes. Este serviço abrange não só dispositivos como computadores e impressoras, mas também equipamento industrial e dispositivos de infraestrutura como alarmes, luzes, e sistemas de climatização.

Tags

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 7 Maio 2017

IT INSIGHT Nº 7 Maio 2017

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!