PME portuguesas reconhecem que ferramentas online aumentam receitas

O inquérito “The Future of Business”, desenvolvido pelo Facebook, em parceria com o Banco Mundial e OCDE, entrevistou mais de 50 mil pequenas e médias empresas e concluiu que cerca de 60% exportadoras concordam que a utilização de ferramentas online ajuda a aumentar receitas

PME portuguesas reconhecem que ferramentas online aumentam receitas

De acordo com o estudo, as PME portuguesas atribuem o crescimento à utilização de ferramentas online para comercializar internacionalmente: 60% concordam que a utilização destas ferramentas fez aumentar as receitas e 43% afirmam que mais de 75% das vendas internacionais dependem de ferramentas online.

“Sabemos que um dos grandes desafios que as PME têm é o de encontrar clientes em outros países, mas também estamos conscientes de como a tecnologia pode ajudá-los a dar o passo seguinte. O facto de mais de metade das PME exportadas assegurarem que as suas receitas aumentaram graças à utilização de ferramentas online, prova que a tecnologia realmente ajuda as empresas a atravessarem fronteiras e a conectarem-se com pessoas a qualquer momento e em qualquer lugar. No Facebook, temos uma comunidade de mais de 2.000 milhões de pessoas em todo o mundo e desenvolvemos soluções online que ajudam as empresas locais a conectarem-se e tornarem-se empresas globais”, comenta Irene Cano, diretora-geral do Facebook para a Península Ibérica.

Todas as empresas contam com um conjunto de ferramentas digitais para criar ligações globais em todo o mundo. Este relatório mostra como as ferramentas online desempenham um papel importante na capacidade das PME de negociar internacionalmente e crescer.

Os dados do estudo apontam que as PME que comercializam internacionalmente são mais confiantes e propensas a aumentar empregos: 47% dos empresários em comparação com 43% dos não-empresários estão positivos sobre o estado atual do seu negócio. Paralelamente, 70% dos empresários estão positivos acerca das perspetivas futuras do negócio. Para PME exportadoras, o comércio é o core do modelo de negócio e sucesso: entre as PME exportadoras, quatro em 10 (40%) reportaram que menos de 25% das receitas provêm de negócios internacionais.

As empresas acreditam que as ferramentas online são um aliado fundamental para o aumento das receitas e, efetivamente, cerca de metade das PME exportadoras (43%) reportaram que mais de 75% das vendas internacionais dependem de ferramentas online.

“Devemos ver o comércio internacional não como um desafio, mas sim como uma oportunidade, que é em grande parte facultada por ferramentas digitais. Uma boa estratégia digital mobile pode ajudar as empresas a crescerem e a conseguirem clientes dentro e fora das suas fronteiras. Como salienta o relatório, quase metade das PMEs que exportam têm planos de crescimento e criação de emprego nos próximos seis meses. Na nossa plataforma, com as ferramentas online que facultamos, qualquer PME pode alcançar um público internacional, algo que anteriormente apenas as grandes marcas conseguiam”, Irene Cano.

Tags

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT INSIGHT Nº 11 Dezembro 2017

IT INSIGHT Nº 11 Dezembro 2017

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!